23 de junho de 2012


bonito quando alguém surge em desaviso e interrompe-nos o nada.

Um comentário:

  1. Olá Juliana. Adoro ler suas tiradas lacônicas e precisas. Quando se arrisca, alguma coisa sempre acontece. Se ruim, pode-se aprender com ela; se boa, valeu a iniciativa. Todavia, se não se arrisca, NADA acontece. E o pior é NADA acontecer. Mas sempre tem alguém que nos pinça desse nada. Ainda bem! Um grande abraço!

    ResponderExcluir