3 de outubro de 2012

às vezes tenho inveja, carlos.
é que quando eu nasci,
anjo torto nenhum 
mandou-me ser algo na vida!

Nenhum comentário:

Postar um comentário