12 de junho de 2013

não sei fingir que viver é simples
e sempre me embaralho toda entre meus próprios passos nesse espaço que inventamos para encenar tudo aquilo que gostaríamos de ser.

Nenhum comentário:

Postar um comentário