18 de julho de 2012

foi em meio a muitos planos de futuro que a gente de repente se tornou passado, por demais incapazes de lidar com o agora. e por meses a fio, para mim, isso foi o mais difícil de entender: que tivéssemos nos desencontrado entre dois tempos que sequer existem.

Nenhum comentário:

Postar um comentário