15 de dezembro de 2011

o que me protege de um ceticismo exagerado é acabar sempre percebendo que, no fim das contas, basta uma pessoa pra que eu não me sinta mais só.

Nenhum comentário:

Postar um comentário