24 de novembro de 2011

resta esse medo de que o tempo não dê conta e tudo insista em não bastar.
ando sobrecarregada de insuficiências.

Um comentário:

  1. o nosso relógio parou no mesmo instante, e a pergunta que me resta é saber se a falta vem da minha incompletude, ou se ela é consequência das tantas ausências externas... o que você acha?

    ResponderExcluir