1 de novembro de 2011

comecei uma faxina por aqui, daquelas em que a gente se propõe a retirar cada coisa do seu lugar, avaliar a utilidade, varrer a poeira pra longe e inventar um jeito prático de arrumar o que restou. 

ainda hoje precisei de uma prateleira nova cá dentro do peito pra organizar as descobertas inconvenientes que têm surgido desde que resolvi passar a vida a limpo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário